segunda-feira , 19 fevereiro 2018
news
Você está aqui: Capa » Notícias » Equipe adulta com Simone é campeã Sul-Americana de Ginástica
Equipe adulta com Simone é campeã Sul-Americana de Ginástica

Equipe adulta com Simone é campeã Sul-Americana de Ginástica

A equipe brasileira adulta, com a ginasta Simone Luiz, da Sadia, foi campeã no Campeonato Sul-Americano de Ginástica, realizado de 8 a 12 de outubro, em Cochabamba, na Bolívia. Simone fez parte da equipe brasileira adulta, juntamente com as atletas Natália Gáudio, Carolina Garcia e Mayra Siñerz. No individual, a ginasta conquistou ainda a medalha de prata no arco e a de bronze nas maças, além do quarto lugar no individual geral. A delegação brasileira era formada por um total de 29 ginastas nas categorias pré-infantil, infantil, juvenil e adulto. Somente no adulto, a equipe brasileira não contou com atletas no conjunto. Nas demais, a partiCBG Brasileiro GA GRcipação foi no individual e no conjunto.

Para Simone, que já está em Toledo e retoma os treinamentos ainda nesta semana, visando a participação nos Jogos Abertos do Paraná, em novembro, o resultado foi bom e a experiência bastante interessante, embora ela tenha sentido bastante a falta da técnica Anita Kliemann ou outra técnica da equipe. Esta foi a primeira vez que viajou desacompanhada. Mesmo com a experiência da atleta, ela ressalta que sentiu a falta deste apoio, principalmente quando perdeu o terceiro lugar no individual geral por uma diferença muito pequena e tendo um resultado que ela não considerou muito justo pelo seu desempenho. Ela pensou até em recorrer da nota, mas acabou deixando e se conformando com o quarto lugar. “Várias pessoas vieram conversar comigo, inclusive as técnicas da equipe de Curitiba, elogiaram o meu trabalho e eu consegui retomar o foco e fazer uma boa competição no domingo, trazendo duas medalhas para o Brasil. Acho que isso foi muito importante”. No domingo, a ginasta competiu no arco, quando conquistou a medalha de prata, e nas maças, com a medalha de bronze.

A atleta também destacou que a competição foi bastante puxada e as ginastas sentiram bastante com o ar rarefeito da Bolívia. A gente chegou na quarta, começou a competir na quinta e fomos até domingo. Foi uma competição bastante puxada e a gente sentia muita falta de ar”, acrescentou. Fora da quadra, a atleta recebeu vários elogios pelo trabalho que vem fazendo e pelas coreografias apresentadas. “O que ouvi de outras técnicas, inclusive da Colômbia e do Chile, me mostraram que estou no caminho certo e fico feliz com isso, mesmo tendo perdido o terceiro lugar por uma pontuação tão pequena”, ressaltou a ginasta.

O projeto de Ginástica Rítmica de Toledo é patrocinado pela Sadia, conta com as parceiras do Sesi, prefeitura de Toledo,  apoio da Unimed e  com o co–patrocínio de O Boticário, Sanepar e Prati-Donaduzzi, através de recursos  obtidos pela da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte/Governo  Federal.

Sobre Eliane Cargnelutti Torres

Jorn. Eliane Cargnelutti Torres (DRT/PR 2537), assessora de imprensa da equipe de rendimento da Sadia/Prefeitura de Toledo/Sesi, através da empresa Palavra Comunicação e Marketing 045-9826-5052 - elianetorres2@hotmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Subir ao Topo