terça-feira , 23 outubro 2018
news
Você está aqui: Capa » Notícias » Seleção da Colômbia treina na Sadia para Campeonato Sul-Americano
Seleção da Colômbia treina na Sadia para Campeonato Sul-Americano

Seleção da Colômbia treina na Sadia para Campeonato Sul-Americano

treinamento na Sadia com atletas colombianas - Foto Eliane C. Torres2Quatro atletas da seleção adulta de ginástica rítmica da Colômbia e do Departamento de Boyacá, acompanhadas da técnica Marta Pardo, também árbitra internacional, estão em Toledo para um intercâmbio com a equipe de rendimento da Sadia. As ginastas fazem um intensivo antes do Campeonato Sul-Americano, de 6 a 12 de outubro, em Cochabamba, na Bolívia. A seleção chegou na terça-feira à tarde em Toledo e permanece até o dia 5 de outubro. Além da rotina diária de treinos, de manhã e de tarde, as atletas tem um compromisso nesta quinta-feira, 24, na prefeitura de Toledo. Elas serão recebidas pelo prefeito Beto Lunitti, às 17h30min, na sala de reuniões do gabinete.

“Há muito tempo conhecemos e valorizamos o trabalho da Anita (Klemann, técnica da Sadia e da seleção brasileira individual) e os resultados das ginastas Angélica Kvieczynski e Simone Luiz. Há vários anos queríamos vir para cá e agora, finalmente, isso foi possível”, comentou Marta. Segundo ela, este é o primeiro de muitos intercâmbios que deverão ainda ser viabilizados entre os dois países. Para a técnica, a equipe de rendimento da Sadia, que tem um trabalho reconhecidamente muito bom, tem muito a contribuir com a equipe colombiana.Rafaela Rocca, da Bolivia, volta a Toledo para preparação para Sul-Americano - Foto Eliane C. Torres

“Queremos melhorar o nosso nível técnico, avaliar todas as séries das ginastas e melhorá-las para o Campeonato Sul-Americano e para os Jogos Nacionais da Colômbia, ainda neste ano, que marcam o início do próximo ciclo olímpico”, completou Marta. Segundo ela, a Ginástica Rítmica da Colômbia avançou nos últimos anos, mas tem ainda muito a crescer em relação ao Brasil, e muito mais em relação aos países da Europa, que tem uma trajetória muito maior na modalidade.

Anita orienta atleta colombiana - Foto Eliane C. Torres2Para a técnica colombiana, o intercâmbio com a Sadia fortalece a todos pela troca de experiências que proporciona. “A Anita tem muito a contribuir com o seu conhecimento técnico e experiência e da mesma forma eu pretendo repassar as minhas experiências, contribuindo para o desenvolvimento da ginástica rítmica brasileira”. Marta, que arbitrou no aparelho fita e nas finais de arco na ginástica rítmica no Campeonato Mundial de Stuttgart, na Alemanha, lamentou pelos resultados da atleta da Sadia, Angélica Kvieczynski. Segundo a técnica, ela e outras árbitras latino-americanas que participaram da avaliação ficaram muito sentidas com o resultado da brasileira, que acompanham há anos. “Eu acompanho a Angélica desde que ela tinha 13 anos de idade e foi com o coração partido que vi a atleta na série de maças. A ginasta deixou cair o aparelho duas vezes e isso implica na perda de muitos pontos, é muito difícil para a recuperação da atleta”.

A técnica Anita Klemann, juntamente com as professoras Adelina Magedanz Dalazem e Gracieli Morais, iniciaram na quarta-feira, 23, de manhã, o trabalho com as atletas colombianas. Elas viram todas as séries e apresentaram sugestões. “Vamos trabalhar na limpeza dos movimentos, visando melhorar as séries”, informou Anita. Segundo ela, este intercâmbio é muito positivo e demonstra o reconhecimento internacional do trabalho que é desenvolvido em Toledo na ginástica rítmica e que tem resultado em importantes conquistas individuais para as atletas e também para a equipe. Ela destaca também que a Sadia também tem muito a ganhar com a troca de experiência com técnicas e atletas de outros países, como está sendo neste período com a equipe colombiana. “Temos muito a contribuir, mas também bastante a ganhar nesta troca de experiências”, reforça Anita.

De Toledo, a equipe colombiana, formada pelas atletas Lina Dussam, 17 anos, Carolina Velez, 22 anos, Laura Angarita, 18 anos, e Daniela Molina, 16 anos, segue no dia 5 de outubro para a Bolívia, onde será realizado o Campeonato Sul-Americano.Intercâmbio Técnicas da Sadia e da Colombia observam atleta colombiana3

O projeto de Ginástica Rítmica de Toledo é patrocinado pela Sadia, conta com as parceiras do Sesi, prefeitura de Toledo,  apoio da Unimed e  com o co–patrocínio de O Boticário, Sanepar e Prati-Donaduzzi, através de recursos  obtidos pela da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte/Governo  Federal.

 

Boliviana

A atleta boliviana Rafaela Rocca, que já havia treinado em Toledo no começo deste ano, voltou nesta semana para um intensivo com a equipe de rendimento da Sadia, visando o Campeonato Sul-Americano. Na quarta-feira, 23, ela retomou os treinos em Toledo, onde fica até a próxima semana, antes de viajar para a Bolívia. A atleta já se considera da casa e não se intimida em usar o uniforme da equipe durante os treinos. No começo do próximo ano ela já planeja retornar para a montagem das séries para as disputas do ano que vem. Agora, no entanto, o foco é o Campeonato Sul-Americano. Ela pretende aproveitar bem o período para corrigir eventuais falhas e garantir um bom resultado para o seu país na competição.

Sobre Eliane Cargnelutti Torres

Jorn. Eliane Cargnelutti Torres (DRT/PR 2537), assessora de imprensa da equipe de rendimento da Sadia/Prefeitura de Toledo/Sesi, através da empresa Palavra Comunicação e Marketing 045-9826-5052 - elianetorres2@hotmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Subir ao Topo